quinta-feira, 21 de março de 2013

Dicas para preparar uma aula de espanhol


Ultimamente muitos colegas estão entrando no blog mediante as seguintes palavras-chave: Como preparar uma boa aula de espanhol?

Não existe uma resposta certa para essa pergunta mas, de certa forma, em cada artigo deste blog há dicas para o desenvolvimento de uma boa aula segundo meu ponto de vista, especialmente no artigo do Plano de aula. Como não havia nenhum artigo que falasse diretamente do assunto, decidi deixar algumas dicas para elaborar uma "boa aula" de espanhol, meus segredinhos são os seguintes:

Selecionar um material que serva de guia, isso é, um livro didático. Você pode ter uma apostila própria, ou seguir o livro da escola. O importante é ter a coluna vertebral do curso, o resto são enfeites para fazer da aula um encontro agradável e para completar aquilo que não está no livro.

Hoje em dia as coisas são mais fáceis, o livro didático está dividido em unidades e em cada uma já estão estabelecidos os objetivos linguísticos, gramaticais, culturais, etc. Metade do caminho andado. Seguindo os objetivos do livro você já sabe aquilo que seu aluno deve dominar ao terminar a unidade. Como se fosse pouco, os materiais até vêm com o guia do professor que explica passo a passo como trabalhar os conteúdos.

Resulta que às vezes os livros não são tão bons e você precisa enfeitá-los com atividades extras. - Posso levar qualquer atividade? É claro que não. Se você está trabalhando as partes do corpo, tem que levar jogos, músicas, textos, etc. relacionados ao tema e ao objetivo da aula. Para isso você precisa conhecer sites que possam auxiliá-lo, recomendo o artigo dos Recursos para as aulas de espanhol, porém, resulta que às vezes não encontramos aquilo que precisamos e a resposta é simples: você terá que criar a atividade.

No inicio de minha carreira eu seguia rigidamente o planejamento, depois de unidade um ia a unidade dois, e nem sempre é assim, depois de cada unidade, você deve fazer uma avaliação de seus alunos para ver se realmente atingiram os objetivos. – Uma prova? Claro que não, durante as aulas você deve observar se eles tiveram ou não dificuldades em desenvolver as atividades. Caso positivo, você precisa criar exercícios para eliminar essas lacunas, não adianta seguir em frente, você precisa parar e trabalhar as dificuldades. A má notícia é que as atividades para esses alunos são personalizadas e você terá que criá-las sem perder de vista o problema dos alunos, o objetivo é eliminar esse problema.

Depois de cinco anos de experiência e de ter trabalhado em quase toda escola de idioma, mesmo que não goste nem um pouco, tenho que reconhecer que a metodologia mais eficaz é a da Wizard. – Qual o segredo? Li em algum lugar que somente memorizamos algo se o repetimos no mínimo cinco vezes.

Exatamente, repetir é a clave do êxito, mas como eu já disse não gosto dessa metodologia e descobri que posso fazer que meu aluno repita várias vezes uma atividade sem ser a mesma. Um exemplo, eu quero que ele memorize um modismo, em uma atividade ele vai relacionar o modismo com o significado, em outra lhe dou o modismo como um quebra-cabeça para ele montar, em outra levo uma situação para ele completar com o modismo, em outra faço um bingo, em outra coloco música e quem ficar fora da cadeira deve criar uma situação na que possa ser usado, em fim, exploro todas as possibilidades em que possa repetir o vocabulário. Lembro, nunca mais de dez palavras, dez modismos, dez verbos, etc., e sempre os mesmos, eles não vão decorar mais do que isso.

Grether, com isso minha aula já está pronta? – Claro que não. Sua aula estará pronta quando você conseguir ter tudo organizado. Você nunca teve professores que entravam em sala de aula e perguntavam: – Por onde ficamos? Espero que você nunca faça isso, é o maior erro de um professor, a imagem que passa é de ser desorganizado, de não preparar as aulas, de chegar a dar a primeira coisa que encontrou na internet.

 – Puxa Grether, como faço para no esquecer as coisas? Fácil, eu não esqueço nada porque anoto tudo. Se o aluno quer algum material ou eu prometo alguma coisa para a próxima aula, no final do horário anoto tudo na agenda. Quando chego a casa, coloco na planilha de cada grupo a presença, a ausência, a unidade, as atividades extras, tudo, tudo. Eu sempre preparo a aula, por que não colocar já na planilha o que vai ser dado? O problema é que às vezes não conseguimos fazer tudo o planejado ou fazemos mais do previsto quando temos que sacar da manga a atividade extra, é assim mesmo, trabalhamos com seres humanos. Por isso, na planilha vai aquilo que foi feito na aula; assim, quando vou preparar a próxima sei exatamente em que parte eu fiquei e se tenho alguma coisa que levar. Deixo um exemplo da planilha no final das dicas que devem abrir em tamanho original fazendo click nela para poder ler.

Maravilha, agora sim minha aula será muito boa. A verdade é que não. Essa é a parte que você pode e deve planejar, há uma parte que determinará se você é bom ou não, a hora da verdade é quando os alunos perguntam alguma coisa. Você não pode saber tudo, não é dicionário, pode falar que não conhece uma gíria de outro país, um prato ou algum fato cultural, são muitos países, mas você não pode falhar em perguntas gramaticais ou de ortografia. É sua responsabilidade saber e somente conseguirá isso estudando e estudando muito. Sempre se aprende alguma coisa nova.

Acredito que essas dicas, ser pontual, cumprir sempre o prometido, ser gentil e ter certa dose de humor são meus segredinhos para fazer da minha aula uma boa opção. Lembre, somos atores e cada aula é uma peça diferente.

Boas aulas!

2 comentários:

  1. Posso dizer que cheguei ao teu blog pesquisando:"Plano de aula", sou aluno de espanhol e faço trabalho voluntário ( http://tallerdeespanhol.wordpress.com/ ) em minha comunidade dando aulas de espanhol para crianças carentes, e suas dicas foram de muita utilidade e me ajudaram muito em meu trabalho com as crianças!
    Obrigado por compartilhar suas experiências!!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. De nada Leandro Diago! Um grande abraço!

    ResponderExcluir

Sua mensagem ao ser recebida ficará aguardando aprovação. Volte em breve que terá resposta. Obrigada por participar do blog!