terça-feira, 25 de outubro de 2011

As gírias da língua espanhola

O espanhol como toda língua é um produto histórico - social que se transforma diariamente. Um dos fatores que contribui com as mudanças e que enriquece a língua é o surgimento de dialetos particulares e familiares utilizados por integrantes de um determinado grupo social ou laborar e que são difíceis de entender se não se forma parte do grupo. Esses vocábulos são conhecidos como “jergas” ou “argot” (gírias).

Em resumo, as gírias são vocábulos usados pelo grupo que as cria, têm como finalidade ocultar o verdadeiro significado da palavra neutral que a originou e são divididas em diferentes classes:

1. Gírias juvenis: procuram a diferenciação com relação à maioria e são caraterizada por alguns rasgos constantes, exemplo: enrollarse (ficar com alguém).
2. Gírias dos delinquentes: linguagem marginal que se limita ao uso de novas palavras com significados diferentes ao original, exemplo: camello (pessoa que transporta drogas).
3. Gírias profissionais: léxico específico de determinada profissão ou atividade. São conhecidas também como “tecnicismos”.
4. Gírias familiares: conjunto de palavras que por brincadeira se introduzem na conversa familiar de todas as classes sociais.
5. Gíria dos celulares: os SMS têm gerado uma nova linguagem escrita que afeta ao léxico e à língua em geral e incorpora elementos icônicos. Uma variante destas gírias seria a linguagem usada no chat.

Exemplos de gírias por países:


 Este tema é importante porque nossos alunos ao entrar em contato com o mundo real no qual se usa a língua, escutam palavras desconhecidas que não pertencem aos vocábulos neutrais da língua espanhola, e é nosso papel explicá-lhes que dentro de cada país existem grupos sociais que criam gírias, fato que não impede a comunicação. Nós como professores não podemos saber o significado das gírias de todos os países, mas devemos conhecer a maior quantidade possível e expor nossos alunos, mediante filmes e músicas, ao mundo das gírias como parte da cultura de cada país.

Eu recomendo visitar o banco de dados de gírias de Bomespanhol.

Boas aulas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem ao ser recebida ficará aguardando aprovação. Volte em breve que terá resposta. Obrigada por participar do blog!