sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Dicas de espanhol para nossos alunos melhorar a ortografia

Olá colegas!
Neste artigo deixo algumas dicas importantes que vocês podem apresentar para os alunos. Estas pequenas fórmulas podem ajudar a eliminar o portunhol aos poucos. Gostaria lembrar que existem exceções e que muita dessas dicas não são regras existentes na gramática normativa da língua espanhola. 
Deixo um slide que pode servir de apoio nas aulas:

          

Você pode trabalhar estas dicas de ortografia aos poucos levando exercícios para praticar. Gosto muito de fazer exercícios de correção de erros. Pego textos ou músicas e mudo as palavras relacionadas às regras para que o aluno identifique o erro e o corrija. Com algumas regras a melhor forma de trabalhar é criar frases específicas com os erros que queremos melhorar.




20 dicas para melhorar a escrita e se librar do portunhol:


1. Terminação DADE do português = Terminação DAD do espanhol. 
Exemplos: felicidade - felicidad, cidade - ciudad.
2. Terminação VEL do português = Terminação BLE do espanhol. 
Exemplos: amável - amable, terrível - terrible.
3. Terminação GEM do português = Terminação AJE do espanhol. Substantivos terminados em AJE sempre serão do gênero masculino. 
Exemplos:  a viagem - el viaje, a coragem - el coraje.
4. Terminação ÇÃO do português = Terminação CIÓN do espanhol.
 Exemplos: canção - canción, informação - información.
5. Em espanhol não há SS, usar sempre S. 
Exemplos: professor  - profesor , regressar  - regresar.
6. Em espanhol não existem palavras terminadas em M, em seu lugar usar N.
Exemplos: camión, pan, juegan
Exceções: palavras provenientes do latim como álbum, ibídem, ídem, ítem, mágnum, máximum, médium, memorándum, referéndum, ultimátum.
7. Usar Ñ quando o som assinale NH. 
Exemplos: engañar, niño, muñeca.
8. No lugar de VR usar BR. 
Exemplos: livro - libro, livre - libre.
9. Em espanhol somente temos um acento gráfico (´). 
Exemplos: avión, están, inglés, alemán. 
10. No lugar de Ç usar Z, exceto na terminação ÇÃO.
Exemplos: cabeça - cabeza, braço – brazo.
11. Não separar os dígrafos RR e LL. 
Exemplos: ca-lle, ca-rro.
12. Para ligar palavras e frases se usa Y. 
Exemplos: mesa y silla, perro y gato. 
Exceto quando a segunda palavra começa com I ou HI, neste caso se usa a letra E, esta regra não se cumpre quando há ditongo. 
Exemplos: Mario e Isabel, bandera e himno, agua y hielo.
13. Quando a conjunção O encontra-se antes de uma palavra que começa com O ou HO, troca-se a letra O por U.
Exemplos: rosas u orquídeas, mujer u hombre.
14. Substantivos singulares que começam por A ou HÁ (tônica) usam o artigo masculino EL para manter a eufonia, mas continuam sendo palavras femininas. 
Exemplos: el agua, el hacha
15. Com meios de transporte se usa a preposição EN. 
Exemplos: Viajo en coche, en avión, en tren…
16. Os dias da semana são masculinos e não podem ser acompanhados pela preposição EN. 
Exemplos: el lunes, un martes, este miércoles.
 17. Sempre devem usar pontos de interrogação e exclamação no início e no final das frases interrogativas e exclamativas.
 Exemplos: ¿Cuántos años tienes? ¡Qué lindo!
18. Monossílabos não levam acento gráfico, a não ser que exista outra palavra igual com significado diferente. 
Exemplos: te (pronome) e (chá), de (preposição) e (imperativo do verbo dar segunda pessoa singular)
19. O pretérito imperfeito de indicativo se escreve com  ABA, não com AVA como no português. Exemplos: yo amaba, él trabajaba, ella jugaba.
20. O verbo auxiliar dos tempos compostos em espanhol é HABER não TENER, assim que se diz “He visto”, “Hábeis trabajado”, “Hubiera sido”...

Boas aulas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua mensagem ao ser recebida ficará aguardando aprovação. Volte em breve que terá resposta. Obrigada por participar do blog!